segunda-feira, 29 de junho de 2009

LEMBRANÇA DE UM ESQUECIMENTO

Eu trabalho, tento fazer versos e durmo
Tentando ignorar seu mundo
Na estrada a caminhar
Andando sem sair do lugar.

No sacrifício imenso de te esquecer
Olho essas linhas que lembram você.

2 comentários: